Quantas receitas de brigadeiro eu preciso para fazer um cento

Meu nome é Carol e eu sou a fundadora aqui da Brigadeirosa e a minha missão é te mostrar que para viver de brigadeiros é preciso ir além das receitas. Eu acredito que, para ter sucesso nos negócios, é preciso se reinventar e definir o seu sucesso nos seus próprios termos. O conhecimento empreendedor é o que separa as amadoras das empreendedoras de sucesso.

Continuando o post de ontem sobre quantos brigadeiros são feitos com um quilo de chocolate, eu vou responder essa outra dúvida bem comum sobre quantas receitas de brigadeiro eu preciso para fazer um centro.

Mas eu não vou somente te dar valores, vou te mostrar passo a passo como você pode calcular a quantidade de brigadeiros para qualquer tipo de situação. Porque eu acredito que é esse tipo de conhecimento que vai te levar além.

O que te trouxe até aqui, não vai te levar para outro lugar. É preciso ir além, ousar, fazer mais. Se você continuar fazendo sempre a mesma coisa, o sucesso vai continuar da mesma distância que está hoje de você. Então, vamos além.

Quantas receitas de brigadeiro eu preciso para fazer um cento?

Eu vou te mostrar como você calcula a quantidade de receitas que você precisa para fazer um cento, para que você saiba calcular para qualquer quantidade diferente para um cento.

Eu vou fazer o exemplo utilizando como base a minha receita de brigadeiro tradicional e vou fazer a fórmula genérica novamente.

Para a minha receita de brigadeiro, uma receita rende em média 22 brigadeiros de 20 gramas cada um. E, para reinventar seus brigadeiros, veja aqui como você pode fazer isso do seu jeito.

Um cento de brigadeiros são cem brigadeiros e Q_brig é a quantidade de brigadeiros que a sua receita rende. Então a fórmula fica assim:

fórmula para calcular quantas receitas e preciso para fazer um cento de brigadeiros

Ou seja, para saber quantas receitas de brigadeiro você precisa fazer para ter um cento de brigadeiro, basta dividir 100 pela quantidade de brigadeiros que uma receita sua rende.

Na minha receita, uma receita de brigadeiro rendem 22 brigadeiros:

fórmula para calcular quantas receitas e preciso para fazer um cento de brigadeiros na minha receita

Isso quer dizer que, com a minha receita de brigadeiro que rende 22 brigadeiros por receita, eu vou precisar fazer 4 receitas e meia para fazer 100 brigadeiros. 🙂

Isso significa usar:

  • 5 latas de leite condensado
  • 500 gramas de chocolate
  • 50 gramas de manteiga

Só que, usando 5 receitas, eu terei 110 brigadeiros. Irá sobrar 10 brigadeiros. Mas é melhor arrendondar para cima e ter certeza dos 100 brigadeiros, não é mesmo?

Para calcular exatamente todas as quantidades de ingredientes e estimar o custo deles, veja aqui.

E o preço da encomenda?

Uma prática muito comum que eu vejo é dar descontos, que na maioria das vezes são irreais, para pegar a tal da encomenda. A maioria nem se dá ao trabalho de calcular os custos das suas receitas. E muito menos se dão ao trabalho de constatar se os descontos que aplicam nas suas encomendas são possíveis para seus produtos.

Primeiro, minha opinião pessoal, dar descontos não ajuda a crescer o seu negócio. Você está perdendo lucro quando dá seus descontos. E lucro é o combustível essencial para o seu crescimento. Lucrar não é feio, não é errado. Lucro é parte do seu negócio. Lucro não é explorar. É a energia que vai fazer crescer o seu negócio.

Segundo o único “tipo de desconto” que você pode dar é retirar os custos extras que você teria, caso não houvesse a encomenda. Para grandes encomendas, você pode, por exemplo, conseguir custos mais baixos, menor custos de transporte porque você vai comprar tudo de uma vez. Esses custos sim podem ser extraídos do seu preço.

Mas além disso, não recomendo essa política de descontos. Seus descontos podem estar matando o seu negócio.

Como calcular o preço da encomenda?

Faça o cálculo de custo da sua receita e veja quais custos podem ser diminuídos devido à compra em maior quantidade dos ingredientes e também devido ao transporte para comprar esses produtos.

Esse é o valor da sua encomenda. E não é barato a encomenda mesmo não.

Ao invés de colocar o medo na sua frente e começar a se perguntar se está muito caro ou se seu cliente estaria disposto a pagar por esse preço, pense o que você pode fazer para que sua encomenda fique barata.

Por exemplo, quando você vende uma encomenda para uma festa de casamento, você não está vendendo docinhos para um casamento. Você está vendendo um sonho.

A noiva quer docinhos perfeitos e gostosos, ela quer tudo entregue na hora, que a mesa dela esteja linda e maravilhosa de babar. São esses benefícios que você deverá vender para sua cliente para que ela entenda o real valor das suas encomendas.

Conte para a sua cliente o cuidado que você tem com ela, conte o que você realmente acredita e como irá ajudá-la ao máximo.

Eu te garanto que, se você seguir o que eu acabei de te falar, o preço da sua encomenda vai ficar barato. Porque você estará indo além, estará naturalmente saindo da briga de preços e entrando em um oceano azul de oportunidades.

Porque, no final, o que diferencia as amadoras das empreendedoras de sucesso é o conhecimento empreendedor. Sendo assim, eu te desafio a deixar seus descontos de lado e pensar mais em como você pode conquistar o coração das suas clientes e oferecer o máximo de valor que você consegue.

Se você precisa de ajuda para calcular as suas encomendas, veja aqui como saber exatamente a quantidade de ingredientes que você precisa comprar, como saber o quanto gasta e por quanto cobrar e ter certeza do lucro das suas encomendas.

Written by Carolina Tomazetti

Meu nome é Carol e eu sou empreendedora digital criativa e engenheira de brigadeiros. Eu tenho mais de 2.500 alunas inscritas no meu curso online de brigadeiros que aliás, vai além de receitas, chegando no empreendedorismo, incluso precificação facilitada e vendas genuínas. Fui convidada para falar sobre a Brigadeirosa no Google GDG Sorocaba e no GTalks da UFSCAR. Além de brigadeiros, eu vou te mostrar que seu negócio é muito mais do que ganhar dinheiro. Eu faço o Movimento Empreendedorismo com Alma ::: união das suas habilidades, seus desejos com a lucratividade. Viver com significado liberdade e abundância.

22 thoughts on “Quantas receitas de brigadeiro eu preciso para fazer um cento?

  1. Oi Carol, gostaria de adquirir um logo personalizado, como te envio as minhas ideias? Tu envia arte por email ou correio? E envias a arte para aprovação antes de finalizar? Essas são minhas dúvidas, bjooo

  2. Oi Carol, gostaria de adquirir um logo personalizado, como te envio as minhas ideias? Tu envia arte por email ou correio? E envias a arte para aprovação antes de finalizar? Essas são minhas dúvidas, bjooo

  3. Carol, eu fiquei meia confusa nessa conta. Então, se eu usar 5 latas de leite condensado de 395g com 500g de chocolate em barra eu consigo fazer 110 brigadeiros? Qual o número da forminha que você usa pra chegar nesta quantidade?

    1. Tem certeza? 17 brigadeiros de 18 gramas dá um total de 306 gramas. Só a lata de leite condensado tem 395 gramas.
      A receita completa tem 505 gramas antes do cozimento. O fator de rendimento para a receita básica é de 90% em média.
      Eu uso leite moça, chocolate unique e manteiga aviação.
      Para fazer essas contas, pese sua massa antes e depois de pronta e me conte o quanto realmente deu. =)

      1. Carol,pode me ajudar?
        Sou artista,mas no momento estou vendendo brigadeiro de porta em porta para complementar a renda,pois os trabalhos andam muito inconstantes.Eu estou com uma balança bem ruim,pois pelo que li de você,há algo de errado nos meus cálculos.
        Como faço uma média de 48 brigadeiros por dia(que é o que minha bolsa comporta),faço de uma só vez uma receita com 3 latas de leite condensado.Da última vez consegui chegar em 55 brigadeiros(pesando cerca de 20g cada,sem confeito).Geralmente faço dois sabores.Da última vez,uma lata e meia para o tradicional e uma lata e meia para o de paçoca.
        Faço a contagem de cada ingrediente utilizado (ex: x de amendoim,x de cacau em pó etc) e somo tudo junto no final,como se fosse uma única receita…já saí pra vender umas 12 vezes.Isso tem dinamizado melhor meu tempo(preparar dois sabores por dia com uma lata e meia cada),assim como dinamizou também fazer a conta final tudo junto.
        Você acha que isso funciona?Ou pode confundir ,por exemplo,na hora de criar sabores mais sofisticados(ingredientes mais caros)e precificá-los?Por ora precifiquei tudo igual,mas fiz sabores mais simples(tradicional,casadinho,prestígio,beijinho e paçoca).
        Por favor,me ajude a desfazer essa confusão mental!rs

        Muito obrigada!

        1. Como a variação de custo desses brigadeiros é pequena, não tem muito problema não. O custo deles são bem parecidos.
          Se você vender todos, com o mínimo de desperdício, não acredito que faça uma diferença significativa não. =)

          Maaaas… quando for criar brigadeiros com castanhas, com nutella… ingredientes mais caros, dai é melhor separar para ter certeza. 😘 😘

          1. Obrigada pelo rápido retorno,querida!Então não há problema em somar tudo junto?(Pois como te disse,tenho somado 3 latas numa única receita).No final das contas me parece que dá no mesmo,ficando meio que proporcional…mas aí faço como você falou:começo a separar quando fizer os mais caros.
            Desculpe se estou sendo chata ou repetitiva,é que por um momento pensei que eu pudesse ter escrito de modo confuso.rs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *